Arquivos da categoria: Recife

Post para unidade Recife!

Agenda Social #13

Você Viu?

 

Praia Sem Barreiras comemora cinco anos em Candeias

No sábado (08/12), o Projeto Praia Sem Barreiras da UNINASSAU, em parceria com a Empetur e Prefeitura de Jaboatão comemorou cinco anos do inicio das suas atividades em Jaboatão dos Guararapes. O evento aconteceu na arena montada na orla de Candeias e contou com 55 usuários e 40 acompanhantes, além de música, comidas, bebidas e o tradicional banho de mar assistido.

A comemoração contou também com a presença das bicicletas e estrutura do Bike Sem Barreiras, outro projeto de Responsabilidade Social da UNINASSAU com o objetivo de promover momentos de lazer para pessoas com baixa ou nenhuma mobilidade. “Estamos completando cinco anos de atividade que sempre procuramos exercer com muito carinho e seriedade para as pessoas com deficiência. Esperamos que venham mais 10 anos pela frente”, comemorou o coordenador de responsabilidade social da UNINASSAU, Sergio Murilo.

Praia Sem Barreiras – O Projeto teve início em 2013 e acontece durante todo o ano, de sexta à domingo, sempre em dias em que a maré está baixa. É montada uma estrutura na areia com uma esteira especial, para facilitar o acesso dos usuários, além das cadeiras anfíbias e esteiras de acesso que levam as pessoas até o mar. Estas cadeiras possuem braços que funcionam como boias e cintos para não haver o risco de quedas. Toda a assistência é dada por estudantes de Fisioterapia, Educação Física, Enfermagem e Turismo da UNINASSAU. Todos os voluntários passam por capacitações para poder atender melhor aos usuários.

 

Grupo de idosas realiza exposição de memórias na UNINASSAU

A terceira idade é um momento em que a maioria das pessoas deseja estar sem preocupações, apenas colhendo os frutos do que plantou durante a vida. É pensando neste presente que a equipe da Clínica Escola de Saúde da UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau, em Campina Grande, realizou uma Exposição de Memórias com os idosos do projeto Qualidade de Vida na Terceira Idade. O evento aconteceu na  quarta-feira (12), às 8h, no campus Estação Velha.

A iniciativa da exposição partiu das próprias participantes do projeto, que já estão acostumadas a ouvir palestras de diversos profissionais e praticar exercícios físicos, aprendendo meios de tornar a terceira idade cada vez mais tranquila e saudável. Para Maria das Neves Ursulino, 70, o grupo de idosos mudou muito a sua perspectiva da vida depois de uma depressão. “Eu já passei por muita coisa, já tive depressão e agora estou boa, graças ao pessoal daqui, que cuida tão bem da gente”, relata. “Eu faço até exercício físico. Vejo minhas amigas nas reuniões e tenho uma vida social muito boa. Estou com 70 anos e não me troco por uma de 30”, destaca.

A psicóloga e preceptora de psicologia da Clínica Escola, Carla Correia, descreve alguns detalhes do projeto. “Nós trabalhamos semanalmente com o grupo terapêutico. A proposta surgiu para dar lugar a troca de atividades e dinâmicas sugeridas pelas próprias idosas. Elas disseram que gostariam de fazer essa exposição de objetos e fotos que são símbolos de histórias do passado, resgatando memórias afetivas que guardam com carinho”, completou.

A Clínica Escola da UNINASSAU em Campina Grande está localizada na Rua Antônio Carvalho de Sousa, 295, Estação Velha. Para saber outras ações realizadas pela clínica Escola, está disponível o telefone (83)2101-8925.

 

Projeto Bike sem barreiras promove inclusão na Magalhães Neto em Salvador

Com o objetivo de chamar atenção para o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência que se comemorou no dia 3 de dezembro, a UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau, em Salvador, participou no domingo (2), de uma caminhada realizada pelo Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Crefito-7). A caminhada contou com o projeto de responsabilidade social da Instituição, Bike Sem Barreiras, que fomenta a inclusão social.

A ação ocorreu na Avenida Magalhães Neto, no bairro da Pituba em Salvador, e contou com a presença dos atletas do time de Futebol de Amputados do Bahia, que puderam vivenciar um momento de lazer gratuitamente, através das três bicicletas adaptadas da UNINASSAU. Discentes do curso de fisioterapia também estiveram presentes.

O professor do curso de fisioterapia, Eduardo Santana cita a importância de ações como essa para a formação do profissional. “Precisamos entender que a participação é para todos, independentemente da sua necessidade, é muito importante para a prática do profissional Fisioterapeuta”, concluiu.

Na ocasião, os alunos do curso de biomedicina juntamente com a coordenadora do curso, Milena Lima, distribuíram protetor solar através do projeto “Tô de boa no verão”, que alerta para a prevenção ao câncer de pele. “Além de fomentar a inclusão, precisamos chamar atenção da população para os cuidados com a pele, principalmente na prática de esportes ao ar livre”, explicou.

 

Meeting UNINASSAU: Empreendedorismo e Inovação

A primeira edição do “Meeting UNINASSAU: empreendedorismo e inovação” foi realizada nos dias 04 e 05 de dezembro, na unidade Farol da UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau, em Maceió. O primeiro dia do evento contou com palestras sobre o sistema BIM e suas aplicações e sobre a importância de se trabalhar o accountability pessoal no mundo V.U.C.A. Mesas redondas sobre a transformação dos negócios na era pós-digital e sobre planejamento em startups também preencheram a programação.

No segundo dia, indústria 4.0, negócio social, empreendedorismo e inovação na educação e gerenciamento de projetos de inovação foram alguns dos temas abordados em palestras. Além disso, o público pôde conhecer os cases de sucesso das franquias alagoanas Açaí Concept e The Black Beef e do Projeto Zoo Pet Silvestre. Mesas redondas discutiram o impacto das redes sociais no mercado e gestão de mídias sociais. Simultaneamente, durante todo evento aconteceu a feira de negócios com exposição de produtos e serviços dos mais variados segmentos.

 

UNINASSAU realiza atendimento para comunidade em parceria com a Marinha

A UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau, em Maceió, realizou, no sábado (08), serviços gratuitos nas áreas de Odontologia, Nutrição, Farmácia e Fisioterapia, como parte de uma ação cívico-social alusiva à Semana da Marinha. O evento ocorreu em uma escola municipal que atende crianças do Vale do Reginaldo, área humilde da capital alagoana.

Os alunos do 2º período de Odontologia da UNINASSAU Maceió ofereceram à comunidade orientação sobre higiene bucal e aplicação de flúor em adultos e crianças. “Eles estão começando a vivência clínica e, por isso, o contato com o paciente, com a comunidade e com a realidade carente do entorno é importante, visto que muitos alunos desconhecem essa realidade.  Para a comunidade, esse tipo de suporte vindo das instituições é fundamental. Sem dúvidas, é muito importante essa parceria entre a UNINASSAU e a Marinha”, disse o coordenador do curso, Alysson Calheiros.

Estudantes de Fisioterapia levaram cuidados com a pele para os atendidos, através de limpeza de pele superficial. A professora Alexandra Alcântara, responsável pela atividade, contou que a resultado na pele é instantâneo e, além disso, traz melhora na autoestima do paciente, pois o atendimento é individualizado e focado em cada tipo de pele. “Para os alunos, o ganho é imenso, pois eles levarão esse aprendizado para a vida toda e estarão colocando a mão na massa, tendo a oportunidade de lidar com vários tipos de pessoas”, pontou.

Os moradores da comunidade tiveram ainda atendimento com os estudantes de Nutrição, que realizaram uma avaliação de peso e altura para oferecer orientação nutricional de acordo com o resultado. A professora Aline Martins, que coordenou a atividade, explica que, com esse atendimento, a população sai orientada do que é melhor para se ter uma vida mais saudável.

Na ocasião, estudantes de Farmácia também ofereceram uma palestra sobre medidas profiláticas para parasitoses intestinais. Infelizmente, muitas crianças ainda são acometidas por verminoses, por isso, a orientação dos alunos dá às crianças a chance de, com as medidas necessárias, evitarem vermes, amebas e outras enfermidades.

 

Agenda Social 13

Olímpiadas Especiais Pernambuco

A Olimpíada Especial é um movimento global sem fins econômicos, que por meio de treinamento esportivo e competições de qualidade, melhora a vida de pessoas com diferentes capacidades intelectuais e, consequentemente, a vida de todas as pessoas que a cercam. É um movimento: centrado no atleta, focado na família, conduzido por voluntários. Tem como missão proporcionar treinamento e competições esportivas durante todo o ano em diversas modalidades esportivas, dando oportunidade para que desenvolvam suas aptidões físicas, demonstrem coragem, tenham momentos alegres e compartilhem seus valores, habilidades e companheirismo com suas famílias, outros atletas das Olimpíadas Especiais e a comunidade em geral. A filosofia deste movimento é dar oportunidade a todos os atletas, independente do nível de habilidade.

Com o objetivo de ampliar o atendimento no esporte para as pessoas com deficiência intelectual em Recife, será oferecida mais uma capacitação no dia 14 de setembro na Uninassau Bloco E, nos períodos da manhã e tarde, e no dia 15 será proporcionado o torneio local esportivo no COMPAZ Ariano Suassuna para os atletas já participantes do nosso movimento. Terá a participação de 8 instituições: APABB, APPD, COMPAZ Ariano Suassuna, UPE, Geraldão, Centro Esportivo Santos Dumont, Escola Cônego Eugênio Vilanova- Gravatá e Escola Nossa Senhora dos Prazeres de Jaboatão.

Esses dois momentos são gratuitos e as inscrições são realizadas via e-mail. A duração do evento na UNINASSAU será das 9h às 12h e 14h às 18h no dia 14 e no COMPAZ das 8h30min às 13h. Na Capacitação iremos receber dois profissionais das Olimpíadas Especiais São Paulo e Rio de Janeiro para ministrar as modalidades Natação (Professor Rodrigo Rodrigues) e o módulo A (Professor Claudio Gonzalez). Teremos a participação de estudantes de várias instituições de Recife junto conosco, e profissionais de academias, projetos sociais e clubes.

Teremos em média a participação 200 pessoas no torneio esportivo entre, profissionais, voluntários, famílias, atletas e atletas parceiros.

__nsco_VCONT_OPT_P0_D0_C0_I83_H0_i0x0_V3__logo_olimpiadas_especiais

Projeto Praia Sem Barreiras recebe intercambistas

O Projeto Praia Sem Barreiras da UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau Recife, em parceria com a Empetur, vai receber estudantes de Universidades da Argentina e Chile para uma programação especial. O evento, que acontece nesta sexta-feira (24), das 8h às 12h, na praia de Boa Viagem, tem como objetivo promover a troca de conhecimento e experiências entre os participantes.

Durante a visita, os intercambistas irão conhecer o dia a dia do Projeto e poderão participar de atividades como a transferência de usuários para cadeira adaptada e banho na cadeira anfíbia. Na parte da noite, os estudantes foram convidados para participar do III Luau do Praia Sem Barreiras, na praia de Boa Viagem, oferecido pela Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Política sobre Drogas e Direitos Humanos, por meio da Gerência da Pessoa com Deficiência.

Para o coordenador de Responsabilidade Social do Ser Educacional, Sergio Murilo, o objetivo da ação é promover a troca de experiência entre culturas. “O intercâmbio cultural é muito importante para a formação acadêmica dos estudantes e acredito que mostrar o dia a dia de um projeto social, com a importância que tem o Praia Sem Barreiras, é realmente enriquecedor para qualquer pessoa”, afirma.

IMG-20180824-WA0011

Instituto Ser Educacional participa da 11ª Conferência dos Estados Partes na ONU

United Nations security ahead of Papal Visit and UN General Assembly

A Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência foi adotada pela Assembléia Geral da ONU por meio de sua resolução 61/106, de 13 de dezembro de 2006. Ela entrou em vigor em 3 de maio de 2008, após a 20ª ratificação. O Artigo 40 da Convenção estipula que “Os Estados Partes reunir-se-ão regularmente em uma Conferência dos Estados Partes a fim de considerar qualquer assunto relativo à implementação da presente Convenção.” Desde 2008, dez sessões da Conferência dos Estados Partes foram realizadas na sede das Nações Unidas, em Nova York.

A 11ª sessão teve sua data decidida na 10ª sessão da Conferência dos Estados Partes em 15 de junho de 2017, e está sendo realizada na sede das Nações Unidas, em Nova York, à partir de hoje até 14 de junho de 2018.

A sessão deverá incluir, entre outros itens da agenda, uma eleição de 9 membros do Comitê sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência.

IMG-20180612-WA0005
Sérgio Murilo, Coordenador de Responsabilidade Social na Conferência de 2018.

O Grupo Ser Educacional será representado no evento pelo seu Instituto Ser Educacional que foi “acreditado” pela ONU durante a 10ª Convenção dos Estados Partes realizada em Nova York em 2017. No Brasil são apenas 10 entidades credenciadas e em torno de 137 no mundo.

Isso conferiu ao Instituto credibilidade em poder divulgar os projetos inclusivos executados pelas IES do Grupo Ser, como Praia sem Barreiras, Bike Sem Barreiras, Circo Social para Jovens com Síndrome de Down, Mães Produtivas (Bolsas de estudo EAD para mães de bebês com doenças raras, em especial microcefalia), Mãos Livres (Bolsas de estudo EAD para jovens com tetraplegia), Calçada Sensorial, Termômetro de Transplantes, Crucifixo Automotivo, dentre outros.

O Grupo Ser Educacional é a única instituição de ensino do Brasil a ter assento na ONU para discutir os direitos das pessoas com deficiência. Será um momento para intercâmbio de experiências e aproximação entre as nações que estão trabalhando para a implementação da Convenção e no Brasil da LBI (Lei Brasileira de Inclusão).

Pré-candidato à presidencia, Flávio Rocha discute política na UNINASSAU

naom_5a808d9b6af86-1

Na noite de ontem (19) no Centro Universitário Maurício de Nassau Recife (UNINASSAU), o pré-candidato à presidência, Flávio Rocha, debateu temas políticos no auditório Roque de Brito, no bloco B da unidade Graças. Antes do início do evento, durante entrevista, Rocha relembrou que é recifense e que, com alegria, volta ao estado. “É uma alegria estar de volta à minha terra. Sou pernambucano, sou do Recife, apesar de ter saído muito cedo e agora volto com uma nova missão completamente diferente da missão que eu tive a vida toda, que foi ser empresário e gerar emprego”. Flávio Rocha é CEO da rede de lojas Riachuelo. Em 1986 e 1990, foi eleito Deputado Federal pelo Rio Grande do Norte. Em 1994, chegou a se candidatar à Presidência da República. Em 2016, recebeu o prêmio de empreendedor do ano.

O debate, organizado em parceria com a Associação de Jovens Empresários (AJE), teve como finalidade apresentar o Movimento Brasil 200, que é liderado por Flávio. Entre os objetivos defendidos em seu ideário, o movimento visa, principalmente, a defesa do livre mercado e a redução da intervenção do Estado na economia. Em entrevistas recentes, Flávio Rocha já defendeu a liberação do porte de armas e a diminuição da maioridade penal. Além da privatização da Petrobras.

Idealizador do evento, Sérgio Murilo, coordenador de responsabilidade social do Grupo Ser, ressaltou a importância do encontro: “A iniciativa da Instituição irá contribuir muito para o fortalecimento da democracia e ajudará as pessoas a tomarem as melhores decisões na hora de votar”, afirmou.

Flávio Rocha disse que o maior patrimônio que o país possui são os jovens, que estão sendo preparados para o mercado do trabalho. Para ele, esse tema remete a outro tema maior: prosperidade. “O que o governo tem que fazer é arar a terra do ambiente do negócio, fertilizar essa terra para que essa semente do talento lançado no mercado possa prosperar. A prosperidade é o caminho que o Brasil precisa”.

Durante o debate, ele ressaltou que o eleitor está mais maduro em relação a escolher melhores candidatos e disse que a classe política que não está conseguindo “formatar o produto político”. “Eles estão apavorados porque as donas Marias estão acordando”, salientou também expondo que uma empresa bem sucedida é aquela que consegue agradar todo dia o seu cliente.

Com informações do Leia Já e Jornal do Commercio

Voluntariado em Alta na UNINASSAU

INSCRIÇÕES PARA VOLUNTARIADO UNINASSAU

(Formação Banco de Voluntariado)

Um Mundo melhor no futuro distante e próximo depende do que fizermos agora.

Queremos escutar suas ideias, projetos e propostas que possam ajudar pessoas e contribuir com a qualidade de vida comunitária.

Vocês estão convidadíssimos para participarem do Comitê do Voluntariado UNINASSAU.

Para tal basta se inscrever:

https://forms.office.com/Pages/ResponsePage.aspx?id=CNGXUrD61EeX80SeJ06ji2bQ7R-q8-FFnRR1uk18nERUNENQUU44REE5VE8xOUJITzZQOVdMTTJaUS4u

Contatos: Prof. Givanildo Amâncio (Maestro Gil)

Email: givanildo.amancio@sereducacional.com

whatsapp (81) 98538.1294

Projeto Capacita movimenta mês de janeiro nas unidades do Grupo Ser

No período de 08 à 31 de janeiro, a UNINASSAU realizou o Projeto Capacita 2018.  A ação ofereceu mais de 14 mil vagas para atividades profissionalizantes nas áreas de Humanas, Saúde, Exatas e Tecnologia. As aulas aconteceram nos municípios de Recife, Olinda, Cabo de Santo Agostinho, Jaboatão dos Guararapes e Paulista. Esses cursos de extensão foram ofertados de forma presencial e ofereceram gratuitamente capacitações através de aulas práticas e teóricas.

Além da UNINASSAU, o Projeto Capacita aconteceu nas diversas Unidades do Grupo Ser Educacional, entre elas, FMN Caruaru, FMN Mercês, FMN Pituba, FMN  Lauro de Freitas, FMN Natal, FMN Fortaleza, FMN Maceió, FMN João Pessoa, Campina Grande, FMN Teresina, FMN São Luiz, FMN Manaus, FMN Belém, FMN Parnaíba, UNG Universidade (SP), UNAMA – Universidade da Amazônia (PA) e FIT/UNAMA – Faculdades Integradas do Tapajós (PA).

Carnaval Projeto Praia Sem Barreiras

Dia 03/02/2018 foi realizado na arena Boa Viagem o carnaval do projeto Praia sem Barreiras, com a participação de todos os parceiros, Prefeitura da cidade do Recife, Empetur e UNINASSAU.

Durante as comemorações, foram realizadas atividades, tais como: Desfile pelo calçadão com a orquestra e caminhada do frevo, concurso de fantasias.

O projeto tem por objetivo garantir o acesso ao lazer, através da equiparação de oportunidade entre pessoas com deficiência, idosos e pessoas com baixa mobilidade, oferecendo banho de mar assistido, por meio de cadeiras anfíbias, piscinas, quadra para prática de vôlei sentado, bem como outras atrações para o público usuário do serviço.

1517853105497763

 

Solidariedade à Mata Sul de Pernambuco

Estudantes e funcionários levam doação para vítimas das chuvas

População da comunidade de Várzea do Uma, em São José da Coroa Grande, será beneficiada com os donativos arrecadados no Grupo Ser Educacional

As fortes chuvas que atingiram a Zona da Mata Sul e Agreste de Pernambuco deixaram milhares de pessoas desabrigadas e sem seus pertences. Essa situação despertou a solidariedade de funcionários e estudantes das Instituições de Ensino Superior do Grupo Ser Educacional, que se uniram e arrecadaram diversas doações em prol das vítimas daquelas localidades.

Nesta segunda-feira (19), um grupo de estudantes das unidades Graças, Cabo de Santo Agostinho e Piedade da UNINASSAU junto aos funcionários da Central de Relacionamento com Aluno (CRA – Ativo) do levou ao município de São José da Coroa Grande, em especial a comunidade de Várzea do Una, os donativos angariados. Foram entregues 80 garrafões de água mineral, meia tonelada de alimentos e mais de mil peças de roupas. A ação solidária entregou as doações diretamente à população e contou com o apoio dos gestores da cidade.

Essa ação marca o encerramento do ciclo de doações da campanha solidária desenvolvida pelo Instituto Ser Educacional. Desde o final do mês de maio, quando houve a enxurrada, que a Instituição mobiliza os seus públicos interno e externo para coletar contribuições. Em outras oportunidades, nesse período, foram entregues na cidade do Ipojuca mais de duas toneladas de alimentos, materiais de limpeza, água mineral e roupas.

Adm alunas Alunas Cabo e Piedade UNINASSAU Alunas e mães Gil e Equipe Marca UNinassau camiseta aluno Piedade Prof. Walter1

IMG-20170619-WA0075 (2)Equipe

O diretor de Responsabilidade Social do Grupo Ser Educacional, Sérgio Murilo, destaca a importância de se realizar este tipo de ação para a sociedade. “A solidariedade é uma prática cidadã que faz a diferença no processo de humanização e do equilíbrio social”, afirma.

 

Vitória da Conquista promove ação em prol do Maio Amarelo

Em apoio a Campanha Maio Amarelo, a Faculdade Maurício de Nassau em Vitória da Conquista, realiza no domingo (28), a ação “Criança no Trânsito”, com o objetivo de auxiliar na conscientização e educação das crianças no trânsito.
Os estudantes dos cursos de Arquitetura, Design de Interiores e Ciência da Computação criaram uma mini pista de trânsito onde os participantes terão a experiência de estar em uma via pública, na condição de pedestre ou condutor. Os estudantes do curso de Pedagogia  também irão participar com dinâmicas e integração das crianças.
Para a coordenadora do curso de Arquitetura, Carolina Issa, ações como essa contribuem para que os participantes possam visitar e explorar locais públicos da cidade que proporcionem novas aprendizagens. “Será um momento de orientações para conduzir as crianças nos diversos meios de locomoção e transporte”, pontua.
A concentração para o evento será na Olívia Flores, estrada da UESB, bairro Candeias, às 8h30. Mais informações pelo telefone (77) 3429. 6458.
Sobre o Maio Amarelo
O movimento Maio Amarelo surge com o objetivo de colocar em pauta, entre o Poder Público e sociedade civil, questões relacionadas à segurança no trânsito. Atualmente, de acordo com a OMS, 90% das mortes causadas em acidentes estão presentes em países em desenvolvimento, o que inclui o Brasil.
Crianças se ajudando Crianças aprendem normas de trânsito Crianças aguardam semáforo abrir Alunos participam da Ação Alunos se reúnem com o SIMTRANS Alunos de Arquitetura e Design de Interiores Criança no Trânsito