Arquivos da categoria: Doação

CAMPANHA DE DOAÇÃO DE SANGUE-NABUCO PAULISTA E HEMOPE

No dia 27.09.2017 a UNINABUCO PAULISTA realizou uma ação em parceria com o HEMOPE para conscientizar a população a ser um Doador, na ocasião os alunos, funcionários e público externos puderam participar e realizar um ato de responsabilidade social, ajudando a salvar vidas de outras pessoas, através do gesto de doação de sangue.Estiveram participando deste momento cerca de 120 pessoas, que estavam aptas para realizar a doação.15067123563597811506713016612457

NASSAU realizou entrega de fraldas arrecadadas durante o Trote Legal

Durante a Campanha Trote Legal, realizada pela Faculdade Maurício de Nassau, unidade de Vitória da Conquista, durante o semestre 2017.1, foram arrecadados em torno de 100 pacotes fraldas por meio das doações realizadas pelos estudantes da Instituição. Esse número reforça um comprometimento por parte da Faculdade em prol dos mais necessitados.

As fraldas arrecadadas foram entregues ao Orfanato Lar Santa Catarina de Sena, na própria sede da Faculdade Maurício de Nassau, no dia 02 de junho, às 10h. Na ocasião, estavam presentes os representantes das Instituição que receberam a doação. Ao todo, 20 famílias que possuem bebês serão beneficiadas. Com isso, a NASSAU cumpre com um dos pilares da sua atuação, que é a responsabilidade social.

De acordo com Dayse Matos, coordenadora do curso de Odontologia e responsável pela entrega, “a cada ano que o Projeto é realizado sentimos que nossos alunos estão contribuindo cada vez mais com a sociedade e isso nos deixa muito satisfeitos. Esperamos ampliar ainda mais esse tipo de trabalho, pois é fundamental para o crescimento dos discentes como profissionais e como pessoas”, defende.

Para a Freira do orfanato, Ivonete de Oliveira, geralmente é um tipo de doação pouco realizada para o local. “Recebemos os donativos como uma grande providência divina. Ficamos muito contentes, pois é, sem dúvida, uma grande ajuda para as famílias que atendemos”, conclui.

image2 (2) image4 (1)

UNINASSAU e Instituto Ser Educacional no I Congresso Internacional Inclusion

1495713389765306

O I Congresso Internacional Inclusion foi realizado pela empresa Inclusion Cursos, com apoio, dentre outros, da UNINASSAU e do Instituto Ser Educacional. Realizado nos dias 19/05 e 20/05, em Porto de Galinhas, teve como objetivo disseminar conhecimentos, identificar e expor produtos e serviços para as demandas das pessoas com deficiência e articular um debate com a sociedade, gestores públicos, grupos organizados e os interessados quanto à acessibilidade, reabilitação e inclusão social desse segmento.

O seminário teve como tema “Deficiência Intelectual, Auditiva, Visual, motora e as perspectivas da tecnologia Assistiva” e, sua programação, contemplou gestores, pesquisadores, educadores, demais profissionais das áreas da educação, saúde, direito, familiares e pessoas com deficiência para facilitar o intercâmbio de informações relevantes.

Sergio Murilo Junior, Diretor de Responsabilidade Social do Grupo Ser Educacional, apresentou, durante 40 minutos, as ações inclusivas realizadas pelo Grupo, que contou com um stand para demonstração de alguns de seus projetos, como o Bike sem Barreiras, o Praia Sem Barreiras, o Circo Social UNINASSAU, a Calçada Sensorial Itinerante, o Termômetro de transplantes e o Projeto Mães Produtivas. O evento contou também com a participação de Fernando Henrique, jovem com Síndrome de Down e aluno do Projeto Circo Social UNINASSAU, além da para-atleta Suely Guimarães, usuária dos projetos praia sem barreiras e bike sem barreiras.

Nassau realiza doação de alimentos na zona rural de Petrolina

Estudantes, professores e colaboradores participaram da doação de alimentos na zona rural de Petrolina
Estudantes, professores e colaboradores participaram da doação de alimentos na zona rural de Petrolina

 

Preocupar-se com os aspectos sociais e conscientizar os jovens sobre a importância do olhar direcionado ao próximo fazem parte do plano acadêmico da Faculdade Maurício de Nassau, em Petrolina, onde a Instituição busca estar sempre incentivando os seus alunos a estarem participando de atividades de cunho social.

Por essa razão, no último dia 04, os alunos do curso de graduação em Administração, Ciências Contábeis, Gestão Comercial, Logística e Segurança do Trabalho da Nassau Petrolina foram ao Centro de Referência em Assistência Social do Núcleo 7 do Projeto de Irrigação Senador Nilo Coelho (CRAS N-07) para a entrega de 400 kg de alimento não perecível, divididos em 54 cestas básicas que serão destinadas às famílias carentes da zona rural de Petrolina.

Os alimentos não perecíveis doados foram resultado da arrecadação promovida pelos alunos durante o período do Trote Legal, o qual marcou o início do semestre 2016.2, e das inscrições sociais da Semana do Administrador.

Doações de 54 cestas básicas foram realizadas no CRAS do N-7
Doações de 54 cestas básicas foram realizadas no CRAS do N-7

Aracaju realiza cadastro de doadores de medula óssea

DSC_0855
Líderes de turma foram capacitados para divulgar a ação

Em parceria com o Hemocentro de Sergipe, a Faculdade Maurício de Nassau, unidade Aracaju realizou esta semana uma campanha com o objetivo de conscientizar e incentivar os estudantes e toda população a se cadastrarem como doadores voluntários de medula óssea.

Durante esta semana, o captador voluntário e também doador de medula Carlyle Lopes (Hemose) esteve na Faculdade Maurício de Nassau, onde realizou palestras com os líderes das turmas dos cursos de saúde para capacitá-los a divulgar a campanha entre os colegas, familiares e amigos.

Na última quinta-feira (22) e durante a manhã da sexta (23), aconteceu a coleta do material dos novos doadores. A campanha foi um sucesso, obteve grande aceitação por parte dos alunos. Foram contabilizados mais de 400 novos cadastros de medula óssea.

Hemose Campanha

Doador

Pode ser doador qualquer pessoa que tenha boa saúde e idade entre 18 e 54 anos. As restrições ficam para aqueles que tiveram hepatite B ou C após os 11 anos, que passaram por tratamento de quimio ou radioterapia, são dependentes de insulina, ou já tiveram sido cadastrados anteriormente.

Para efetuar o cadastro – que pode ser realizado em qualquer hemocentro – é preciso que o voluntário apresente o seu RG e 02 telefones para contato. Também será necessária a retirada de uma pequena amostra de 4ml de sangue do doador para realização de testes.

Através da amostra retirada, o sangue do voluntário será tipificado por exame de histocompatibilidade (HLA), que é um teste de laboratório para identificar suas características genéticas que podem influenciar no transplante.

Os dados são cadastrados sistema do REDOME – Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea e cruzados com o sistema informatizado que mostra os pacientes que necessitam de um transplante. Se houver compatibilidade com algum paciente, o doador é convocado, e, se aceitar fazer o transplante, outros exames de sangue serão necessários.

Caso haja alteração nos dados informados, o voluntário precisa atualizar o seu cadastro no site do Instituto do Câncer através do endereço: www.inca.gov.br/doador-atualize-seu-cadastro.