Agenda Social #14

Você Viu?

 

Projeto Bike Sem Barreiras completa dois anos com programação especial

A UNINASSAU comemora com uma programação especial, no próximo domingo (16), o aniversário de dois anos do projeto Bike Sem Barreiras que promove saúde, lazer e bem-estar para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. O evento acontece na Avenida Marques de Oliveira, Recife Antigo, na ciclofaixa nos arredores do Marco Zero, das 9h às 16h. Às 10h30 será cortado o bolo e cantado os parabéns.

Além do costumeiro passeio de bicicleta, os usuários poderão fazer um alongamento acessível que será ministrado pelos monitores dos cursos de Fisioterapia e Educação Física, seguido de um café da manhã e diversas atividades de lazer como gincanas, torneio de dominó e jogos de perguntas e respostas.

Segundo o coordenador de Responsabilidade Social da UNINASSAU, Sérgio Murilo, a comemoração é uma forma de agradecer todas as pessoas que se envolveram no projeto. “Estamos muito felizes com o sucesso do Bike Sem Barreiras e com tudo que alcançamos até agora. Essa comemoração é uma forma de retribuir o carinho de todos os usuários do projeto, além dos nossos parceiros e colaboradores que acreditaram no projeto”, afirmou.

 

Voluntários da UNINASSAU limpam praia de Itapuã

Com o objetivo de chamar atenção da população para os cuidados com o descarte do lixo nas praias, voluntários da UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau Salvador e da Faculdade UNINASSAU Lauro de Freitas estarão unidos para realizar a limpeza da praia de Itapuã. A ação acontece na manhã desta sexta-feira (14), partir das 6h30.

A coleta do lixo será feita voluntariamente por alunos, docentes, coordenadores e funcionários da instituição, que irão percorrer a extensão de areia da sereia de Itapuã em direção ao Farol. A reitora da UNINASSAU Salvador, Cecília Queiroz, destaca a relevância dessa atividade. “Mais uma vez, a universidade cumpre com seu papel, formando, além de profissionais, cidadãos e promovendo ações que de fato fazem a diferença na sociedade. Neste caso, alertando para a preservação das nossas praias”, explica.

O Praia Limpa é uma atividade que faz parte do calendário acadêmico de responsabilidade social da instituição. Ele acontece todo o semestre em diversas praias de Salvador e região e tem como objetivo minimizar os impactos que o lixo marinho causa na fauna e na flora.

 

UNINASSAU Acontece

Alunos da UNINASSAU Maceió restauram pintura da Catedral Metropolitana

Os alunos do curso de Arquitetura e Urbanismo da UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau, em Maceió, estão participando da restauração das pinturas sacras da Catedral Metropolitana da cidade. A atividade é um projeto de extensão desenvolvido pelo coordenador do curso, o professor Adenilton Andrade.

“Este projeto proporciona uma rica experiência no campo da restauração arquitetônica. Só nesta primeira etapa, são 28 estudantes envolvidos. É um projeto social da UNINASSAU em parceria com a Arquidiocese de Maceió e a empresa de restauração Ornato Gregório Rocha”, explica Adenilton.

De acordo com o coordenador, os estudantes fazem parte do único projeto de estágio curricular na área de restauro no estado de Alagoas, no qual eles têm a chance de colocar a mão na massa. “Eles removem camadas de tinta, identificam figuras sacras, estudam a policromia das cores daquela época e trabalham na restauração das obras de arte que estão escondidas nas paredes da Catedral”, destaca.

Para Dom Antônio Muniz, Arcebispo Metropolitano de Maceió, este trabalho será de grande valia para os alunos, que estão tendo essa experiência, e, também, para a comunidade. “É uma agregação de valores técnicos e culturais que vai beneficiar todos com o visual, com a arquitetura e a conservação do patrimônio histórico. Além disso, a iniciativa treina pessoas que são o futuro da arquitetura da nossa cidade”, pontua o Arcebispo.

Cristiano Gregório, responsável por supervisionar os estudantes durante a restauração, reforça a importância do trabalho. “Trata-se de um patrimônio histórico muito importante para o nosso estado. Além disso, vejo como uma forma de aprendizado prático para os estudantes, que estarão em um canteiro de obras e, com certeza, sairão com um diferencial positivo sobre as práticas adotadas no restauro”, afirma.

A estudante de Arquitetura e Urbanismo da UNINASSAU Maceió, Dayane Tenório conta que participar desse projeto junto a outros profissionais da área de restauro será muito gratificante. “Vou poder acompanhar de perto o trabalho tão cuidadoso dos restauradores. Pretendo seguir na área de pesquisa e restauro após da faculdade, então, com certeza, esta será uma oportunidade muito valiosa. Tenho certeza que este trabalho abrirá portas para mim no futuro”, diz a acadêmica.

 

Agenda Social 14

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>