Projeto inédito na cidade torna Recife polo de socialização de cão-guia

Projeto Cão-Guia

A UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau Recife, em parceria com o Instituto Federal Goiano, campus Urutaí, está trazendo para a cidade o Programa Cão-Guia. O projeto possibilita a socialização e o treinamento de animais para se tornarem guias de deficientes visuais.
Um evento marcou o início do projeto, no dia 23/10, às 10h, na quadra de esportes da Instituição, localizada no Bloco A. A solenidade também foi transmitida pela internet. Interessados em participar do evento podem se inscrever pelo site extensao.uninassau.edu.br.
A socialização é a etapa que antecede o treinamento para o cão ser guia de deficientes visuais. “A UNINASSAU fornecerá todo o atendimento médico-veterinário dos animais e a capacitação das futuras famílias socializadoras, além de disponibilizar cursos sobre cão-guia. O acompanhamento na Clínica-Escola de Medicina Veterinária da Instituição será mensal, com exames laboratoriais, diagnóstico por imagem e vacinação”, afirmou o reitor da UNINASSAU Recife, Yuri Neiman.
Segundo o gestor, o objetivo da parceria é potencializar o alcance do projeto para beneficiar deficientes visuais de todo o país. “Seremos os representantes do Programa no Nordeste, começando pelo Recife. É uma satisfação poder colaborar para a inclusão e o bem-estar das pessoas, reduzindo as limitações de suas condições físicas”, afirmou.
O primeiro animal do programa já está em socialização no Recife. É uma cadela da raça Labrador, chamada Era. O bloco A da UNINASSAU Recife fica localizado na Rua Guilherme Pinto, 114.
Informações sobre como participar do Projeto podem ser obtidas pelo email institutoserprojetos@sereducacional.com ou pelo telefone (81) 34126255.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>