Clínica de Lutas para Pessoa com Deficiência – UNIVERITAS – UNG

1525699016992378

O Evento denominado Clínica de Lutas para Pessoas com Deficiência, foi realizado dia 26 de abril de 2018 nas dependências da UNIVERITAS – UNG Campus Centro, em uma parceria do curso de Educação Física e a  Prefeitura de Guarulhos. Foram convidadas as Instituições que fazem parte do CERAG (Circuito Esportivo Recreativo Adaptado de Guarulhos) APAE, Casas André Luiz, Casa de Davi, Colégio CAAPE, Núcleo Convívio/ACDEM, AMEA, entre outras. Essas instituições trouxeram para o evento, entre professores e alunos, 150 pessoas.

Foram montadas três arenas com as modalidades judô, Jiu-jítsu e boxe, com a instrução dos alunos bolsistas (atletas UNG), os alunos do curso de Educação Física acompanharam e auxiliaram os participantes durante as atividades.

Participaram do evento pessoas com deficiência física, intelectual e visual, autistas, portadores de Síndrome de Down, familiares e professores das instituições. No encerramento das atividades realizou-se uma grande roda de capoeira.

Nesse dia a Rede Vida acompanhou o desenvolvimento de todas as atividades o que resultou em uma matéria para o programa Jornal da Vida. : https://www.youtube.com/watch?time_continue=2&v=-U0X3JY3UwE –

De acordo com o  prof. MS. Clóvis Paes Marques, ” é de fundamental importância esse tipo de evento para fomentar e fortalecer a efetiva inclusão em particular das pessoas com alguma deficiência, para os alunos da graduação essas atividades corroboram com tudo aquilo que é desenvolvido na sala de aula, complementando de uma forma positiva a sua formação acadêmica e acima de tudo sua formação em relação a diversidade, ao respeito e valorização das diferenças”

 

Estudantes se reúnem em trabalho de integração social

Na campanha, os alunos doaram roupas e brinquedos para a comunidade
 A integração social contribui consideravelmente para o desenvolvimento do próximo, além de permitir a sensação de realização pessoal. Partindo deste princípio, os estudantes da Faculdade UNINASSAU São Luís realizaram, neste sábado (28), uma série de atividades ligadas à saúde e lazer, por meio do projeto Integrare. A ação beneficiou moradores  do Residencial Nova Vida.
Na ação, foi oferecido para comunidade ginástica laboral, palestras, atividade recreativa, aplicações de flúor, exame preventivo, consulta com clínico, limpeza de pele e a entrega do sopão preparado pelos alunos do curso de Radiologia da Instituição de Ensino Superior (IES). O projeto Integrare arrecadou, durante todo o mês de abril na unidade, alimentos e roupas que foram doados no dia do evento.
 Na ocasião, estudantes de Enfermagem  aferiram  pressão
A professora da IES e idealizadora do Projeto, Fernanda Rabelo, afirma que a ação incentiva os estudantes na promoção de eventos de cunho altruísta. “É uma atividade que vem fomentar a responsabilidade social nos alunos, na qual eles têm a oportunidade de conhecer e utilizar os elementos constitutivos fundamentais de cada área do conhecimento”, explica.
 Uma série de atividades ligadas à saúde e lazer, por meio do projeto Integrare
Na segunda edição do projeto, os alunos do curso de Engenharia Civil se sensibilizaram com o caso do morador da comunidade que têm dificuldades de locomoção e irão doar uma cadeira de rodas. “Na primeira edição do projeto na comunidade, conhecemos casos de pessoas que precisavam da nossa ajuda e nos prontificamos para atender os pedidos nesta segunda visita”, acrescentou Rabelo.
O Integrare é uma parceria da UNINASSAU junto à Associação de Moradores do Bairro Residencial Nova Vida.

UNIVERITAS/UNG inaugura Projeto Estante Sem Dono

1524770283235320

A Universidade UNIVERITAS/UNG inaugurou no último dia 19 de abril o Projeto Estante Sem Dono, com o objetivo de estimular o gosto pela leitura.

Nas unidades Guarulhos Dutra, Guarulhos Bonsucesso e Guarulhos Centro foram usadas geladeiras com uma pintura bem divertida e atraente. Já no Campus Itaquaquecetuba, foi construída um modelo de Estante Sustentável, construída de paletes.

Para o início do projeto foi aberta uma campanha de arrecadação de livros, em que foram arrecadados 97 volumes. Estes foram divididos e compõem o acertos das estantes.

O interessado retira o volume, que estará nas estantes, e deposita outro no lugar, a fim de movimentar a quantidade e os títulos dos livros.

1524774310366077

Projeto Praia Acessível – Especial Dia Mundial de Conscientização do Autismo e Dia da Síndrome de Down

Em comemoração ao Dia Mundial de Conscientização do Autismo e Dia da Síndrome de Down, a UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau participou da 3ª edição do Projeto Praia Acessível, promovido em parceria com a Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Juventude (Semelj). O evento aconteceu no último sábado (7), na Praça Gerônimo Ciqueira, na Pajuçara.

Voltada a pessoas com autismo, síndrome de Down, familiares e técnicos de instituições parceiras, a ação teve como objetivo combater o preconceito e compartilhar informações referentes aos temas. Além disso, contou também com Circuito Popular Acessível de Corrida de Rua, Aula de Dança, Futebol de Areia, Treino Funcional, Bocha e Banho de Mar Assistido.

 

Pré-candidato à presidencia, Flávio Rocha discute política na UNINASSAU

naom_5a808d9b6af86-1

Na noite de ontem (19) no Centro Universitário Maurício de Nassau Recife (UNINASSAU), o pré-candidato à presidência, Flávio Rocha, debateu temas políticos no auditório Roque de Brito, no bloco B da unidade Graças. Antes do início do evento, durante entrevista, Rocha relembrou que é recifense e que, com alegria, volta ao estado. “É uma alegria estar de volta à minha terra. Sou pernambucano, sou do Recife, apesar de ter saído muito cedo e agora volto com uma nova missão completamente diferente da missão que eu tive a vida toda, que foi ser empresário e gerar emprego”. Flávio Rocha é CEO da rede de lojas Riachuelo. Em 1986 e 1990, foi eleito Deputado Federal pelo Rio Grande do Norte. Em 1994, chegou a se candidatar à Presidência da República. Em 2016, recebeu o prêmio de empreendedor do ano.

O debate, organizado em parceria com a Associação de Jovens Empresários (AJE), teve como finalidade apresentar o Movimento Brasil 200, que é liderado por Flávio. Entre os objetivos defendidos em seu ideário, o movimento visa, principalmente, a defesa do livre mercado e a redução da intervenção do Estado na economia. Em entrevistas recentes, Flávio Rocha já defendeu a liberação do porte de armas e a diminuição da maioridade penal. Além da privatização da Petrobras.

Idealizador do evento, Sérgio Murilo, coordenador de responsabilidade social do Grupo Ser, ressaltou a importância do encontro: “A iniciativa da Instituição irá contribuir muito para o fortalecimento da democracia e ajudará as pessoas a tomarem as melhores decisões na hora de votar”, afirmou.

Flávio Rocha disse que o maior patrimônio que o país possui são os jovens, que estão sendo preparados para o mercado do trabalho. Para ele, esse tema remete a outro tema maior: prosperidade. “O que o governo tem que fazer é arar a terra do ambiente do negócio, fertilizar essa terra para que essa semente do talento lançado no mercado possa prosperar. A prosperidade é o caminho que o Brasil precisa”.

Durante o debate, ele ressaltou que o eleitor está mais maduro em relação a escolher melhores candidatos e disse que a classe política que não está conseguindo “formatar o produto político”. “Eles estão apavorados porque as donas Marias estão acordando”, salientou também expondo que uma empresa bem sucedida é aquela que consegue agradar todo dia o seu cliente.

Com informações do Leia Já e Jornal do Commercio

UNIVERITAS/UNG celebrou o Abril Azul em prol da conscientização do Autismo

Design sem nome

O Dia Mundial da Conscientização do Autismo é comemorado no dia 2 de Abril. A data serve para ajudar na conscientização da população sobre o autismo, um transtorno no desenvolvimento do cérebro que afeta milhões de pessoas em todo o mundo. Esta data foi criada pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 18 de dezembro de 2007, com o intuito de alertar as sociedades e governantes sobre esta doença, ajudando a derrubar preconceitos e esclarecer a todos a respeito do Autismo. Pensando nisso, a Universidade UNIVERITAS/UNG planejou uma série de atividades, gratuitas, voltadas ao tema.
De acordo com Lis Lakeis Bertan, coordenadora do Departamento de Extensão da Universidade UNIVERITAS/UNG, a Instituição de Ensino Superior (IES) ofereceu palestras que abordaram a necessidade de compreender melhor sobre a pessoa com autismo e como deve desmistificar o assunto, “De fato, este evento tem a proposta de combater o preconceito com crianças e adultos autistas, pois são pessoas que lutam por compreensão e aceitação”, explica.
Além das palestras, a IES também irá participou como apoio na 8° Caminhada de Conscientização sobre o Autista, juntamente com o curso de Fisioterapia, Turismo e Enfermagem, que teve sua concentração na Praça Getúlio Vargas, no centro de Guarulhos. E desenvolveu atividade pedagógicas na Unidade de Itaquaquecetuba com frequentadores da APAE de Itaquá com o apoio do curso de Pedagogia.
faixa_abril azul_autismo

UNINASSAU São Luís oferece curso de inglês gratuito para comunidade

DSC_0045

 

A Faculdade UNINASSAU São Luís, através das coordenações dos cursos de Administração e Gestão Portuária, ofereceu gratuitamente, o curso de inglês “Speak Up”. O curso contempla os estudantes da Instituição e a população em geral.

O curso tem duração de seis meses e acontece todos os sábados das 15h às 17h, no auditório da unidade. Os participantes irão ter que doar a cada final de mês, um quilo de alimento não perecível. Os donativos recolhidos, serão doados para instituições de caridade da capital.

Idealizador do projeto, o coordenador de Administração e Gestão Portuária, Thiago Ribeiro, explica que o curso foi pensado para capacitar os alunos da Instituição e a comunidade adjacente. “O Speak Up visa o desenvolvimento frente as oportunidades de empregabilidade e mobilidade dos alunos de Gestão Portuária e Administração, visto que é um fortalecimento para os cursos, já que nós precisamos do idioma mundialmente falado, o inglês. Desta forma, abrimos para comunidade também”, afirma.

Idealizador do projeto, o coordenador de Administração e Gestão Portuária, Thiago Ribeiro

 

Na segunda etapa do projeto, serão oferecidos dois módulos diferentes, o inglês de negócios para os alunos do curso de Administração e o inglês portuário para os estudantes de Gestão Portuária. Os inscritos no curso de inglês que não são acadêmicos da UNINASSAU São Luís, terão que decidir por qual módulo seguir.

 

LANÇAMENTO BIKE SEM BARREIRAS EM SALVADOR

No dia 25 de março de 2018 , a Avenida Magalhães Neto, em Salvador, recebeu o projeto Bike Sem Barreiras, que promove inclusão social e lazer à pessoas com deficiência ou baixa mobilidade. O projeto da UNINASSAU consiste em oferecer três tipos de bicicletas adaptadas para pessoas com deficiência visual, física, mental ou múltipla. O Bike Sem Barreiras ocorreu das 8h às 12h e seguirá de forma itinerante por outros pontos da cidade, sempre aos domingos, durantes os meses de abril e maio (exceto nas semanas dos feriados).

afericao_de_pressao_arterial_tambem_foi_realizada_no_local alogamento_foi_realizado_pelos_alunos_do_curso_de_educacao_fisica_da_uninassau_salvador alunas_do_curso_de_servico_social_fazem_a_triagem_para_a_participacao_do_projeto_bike_sem_barreiras as_bicicletas_sao_adaptadas_para_pessoas_com_deficiencia_ou_baixa_mobilidade1 bike_sem_barreiras_levou_acessibilidade_e_inclusao_para_a_cidade_de_salvador bike_sem_barreiras_reuniu_pessoas_com_deficiencia_para_desfrutarem_de_um_momento_de_lazer_com_as_bicicletas_adaptadas projeto_bike_sem_barreiras_foi_lancado_neste_domingo_25_em_salvador projeto_bike_sem_barreiras_salvador

 

Bike Sem Barreiras é transferido para o Recife Antigo

Informamos que desde o dia 04/03/2018 o projeto Bike Sem Barreiras, idealizado pela UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau, passará a atender pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida no Recife Antigo. Os usuários do bicicletário poderão participar do projeto, das 9h às 16h, na ciclofaixa dos arredores do Marco Zero.
A ação conta com bicicletas adaptadas para pessoas com deficiência visual, física, mental ou múltipla, e segue com as atividades nos próximos domingos e feriados.  Sérgio Murilo, coordenador de Responsabilidade Social da UNINASSAU detalhou o processo: “A ideia é proporcionar para as pessoas com baixa ou nenhuma mobilidade momentos de lazer e integração social. Os equipamentos ficam à disposição da população de forma gratuita e a expectativa é de que mais pessoas participem do projeto”.
O projeto conta com o apoio institucional a Aliança de Mães e Famílias Raras (AMAR), do Instituto HandsFree e a In Soluções, da Prefeitura do Recife e a Empetur por meio da Secretaria Estadual de Turismo.
20180301144857474684a

Estudantes participam de ação alusiva ao Dia Mundial da Saúde

Neste sábado, 7 de abril foi comemorado o Dia Mundial da Saúde e para celebrar a data, estudantes da Faculdade UNINASSAU São Luís, realizaram uma série de atendimentos gratuitos para toda comunidade do município de São José de Ribamar. O evento aconteceu na sede do Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA).

 

Com o tema “Saúde para Todos”, a ação contou com apoio dos alunos dos cursos de Enfermagem, Educação Física, Nutrição e Radiologia. Foram realizados testes de glicemia, aferição de pressão, testes rápidos para HIV, sífilis, vacinas, avaliação odontológica, aulas de dança, orientação nutricional, entre outras atividades.
“É uma atividade que além de ajudar a população Ribamarense com serviços gratuitos, permite que os alunos coloquem em prática o que é ensinado em sala de aula. Trabalhamos com dedicação e distribuimos muito amor e alegria através do nosso ofício”, contou o coordenador de Enfermagem da UNINASSAU São Luís, Franco Gomes.
 O público alvo foram os alunos do IEMA, pais e comunidade em geral.